terça-feira, 10 de agosto de 2010

Sacolas plásticas.. diga NÃO!

As sacolas plásticas usadas no comércio para carregar as compras, é uma verdadeira ameaça ambiental caso não tenha controle sobre ela. É comum ver sacos plásticos à deriva, em rios, mares, praias, florestas, mangues e etc... Nós adotamos pra quase tudo, pela versatilidade, por ser leve. Porém, é pouco resistente e tornou-se uma alternativa descartável de mil e uma utilidades, que quando descartada, geralmente é abandonada em qualquer lugar, começando os problemas.


Pedaços de sacolas plásticas são constantemente confundidos com uma alga que é alimento de algumas tartarugas. Os pedaços de plástico, assim como tampinhas plásticas, muitas vezes coloridos, chamam atenção dos animais, e alguns acabam ingerindo.

Ao se alimentar de resíduos, os animais tem seu estômago preenchido não absorvendo nada, perdendo espaço e a eficiencia que teria para os alimentos. Muitos morrem de fome, e até engasgados com estes resíduos.


Carcaça de albatroz. Nota-se pedaços plásticos em seu interior.


A sacola plástica tem várias vantagens para nossa comodidade, mas já passou da hora de pensarmos coletivamente, e acima de tudo no meio ambiente. Portanto diga não! Leve de casa outros tipos de sacolas para carregar suas compras, porque tudo que agente consome, demanda mais exploração, e as sacolas plásticas feitas de PEBD(Polietileno de baixa densidade), um tipo de plástico que é derivado de petróleo, quanto mais usadas, mais exploração e poluição há.

É verdade que já se tornou um hábito cultural, e as vezes fazemos as coisas inconscientemente, por isso devemos nos atentar e criar uma rotina diferente. Nas compras, as pessoas no final de empacotar, ainda pegam uns 3, 4 ou 8 saquinhos plásticos à mais vazios, guardam para pôr o lixo ou para outras atividades. Ou então, colocam sempre duas sacolinhas pra cada produto, para "reforçar"! Já tá na hora de mudar!


É tão cultural que se você pedir uma sacola plástica, a pessoa lhe dá 2 ou 3... Dar uma sacola plástica ou copo descartável à mais, é sinal de boa serventia. Se custasse caro não seria assim, mas é descartável, porém como estamos vendo apenas o meio das coisas, não sabemos o mal que elas fazem ao ambiente. Como no início, que é a exploração, e o fim, que é o destino do resíduo, ficam fora dos nossos olhos, por isso não temos consciência, e os que tem, não fazem.

Já existem cidades que proíbem o uso de sacola plástica no comércio, há avanços significativos acontecendo constantemente.


Portanto, diga não as sacolas plásticas, use a criatividade, pense diferente. O mundo precisa de novas engrenagens, de pessoas criativas e ambientais, as engrenagens que estão movendo o mundo hoje estão enferrujadas.

Compre essa briga! Fim ao uso de sacos plásticos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário