domingo, 18 de novembro de 2012

A vida é um equilíbrio e temos sempre de checar a balança!

A vida é um equilíbrio, e temos de checar a balança na qual corresponde a nossa imagem para que possamos ter certeza de qual direção estamos indo. Muito peso de um lado, erro na rota, muito peso do outro, destino incorreto.  


Assim são as interações que devemos perceber se estamos falando muito e fazendo pouco, se estamos mais na teoria do que na prática, de maneira que não nos enganemos em busca do que é mais importante, atingir o necessário. Falar e agir o suficiente, ter discernimento e equilíbrio para absorver toda essa complexidade que se chama vida, de maneira sadia, próspera e evolutiva. 



Perfeição? Só o tempo dirá! Os que sabem ouvir e agir chegarão mais perto dela, mas ela talvez não exista, pois não sabemos direito o que é, depende do ponto de vista, talvez em outra dimensão tudo será elucidado. Quem vê de fora vê melhor? Não é? Pois é!


Enquanto isso vamos tocando o barco por aqui à procura de terra firme que é o caminho do bem sempre, com ondas boas pra nos levar longe, paisagens bonitas pra nos deixar alegres, enfrentando as tempestades e nos mantendo em equilíbrio pra não virar o barco!




domingo, 26 de agosto de 2012

Cuidado com as redes sociais

Temos que tomar cuidado com as redes sociais pelo fato de ser uma arma contra nós mesmos, pois esta vitrine virtual é uma armadilha pra vencermos uma coisa dificílima em nós, o nosso EGO. Ao colocar as melhores fotos, procurar os melhores amigos, buscar a maior quantidade de visualizações e opções curtir, estamos satisfazendo nosso EGO e acreditando no pseudo-favoritismo de se sentir escolhido, reconhecido, importante...

Mas nossos fracassos e chagas e falhas permanentes que temos raramente aparecem, transparecendo e nos fazendo acreditar que nossa vida é só alegria e felicidade, é o que muitos emanam mas não sentem, e o vazio ocasiona tristeza e quando ela vem é arrebatadora, você fez de conta que não existia, não terá experiência pra domá-la.

Não significa que temos q ser pessimistas e ficar chorando por tudo expondo nossos problemas pra sermos justos com nós mesmos, aliás tem pessoas que fazem isso. E isso serve pros dois extremos, que ilude o EGO, e vivemos dormindo sem enxergar a vida.

Assumir quem somos e acreditar no que podemos.. eis um belo ponto de partida pra não cair nas armadilhas das redes sociais que nos ajuda a ficar um pouquinho mais cegos.

Agora contradizendo tudo o que eu acabei de refletir, se preocupem menos e deixem a vida fluir, rir, chorar, postar fotos, fazer amigos.. isso também é viver.. de preferência fazer isso de corpo e alma e não atrás de um teclado.

domingo, 15 de julho de 2012

Boicote ao MARFIM

Todo produto que é explorado da natureza, seja ele qual for, tem nossa real participação quando consumimos, ou seja, a demanda é que define a pressão na extração ou exploração. E nesse sentido que devemos repensar o consumo e cultura de alguns produtos, um deles é o MARFIM.

Pra nós termos produtos, artefatos e outras coisas mais de marfim, elefantes são mortos cruelmente para preencher esse mercado mundial, pois o mundo todo consome. Então, quando nós aqui, boicotamos qualquer produto feito de marfim, independente se seja um simples dominó, ou algum acessório qualquer, quando deixamos de comprar, estamos dizendo não a exploração de marfim e dizendo NÃO às mortes dos nossos queridos elefantes.

Portanto, entre nessa luta, parece bobeira, mas se ninguém mais comprar nada de marfim, não terá mais mercado pra isso, e os elefantes não serão mais mortos com esse objetivo. É devagar que vamos transformando as coisas para melhor.

Não só você nos seus atos, mas espalhe essa idéia para as pessoas. BOICOTE AO MARFIM!

sábado, 16 de junho de 2012

THRIVE (Prosperar) - Documentário que todos devem assistir

Um documentário que faz você pensar sobre a vida que levamos aqui na Terra e como tudo é dominado e controlado pelo sistema. Um documentário que abre para idéias novas e toda nossa potencialidade e beleza da natureza que temos, mas não desfrutamos. Um documentário revolucionário. Vale a pena assistir. Vou poupar as palavras, apenas assista! :)
Mais informações no site http://www.thrivemovement.com/

terça-feira, 5 de junho de 2012

NÃO DESPERDICE ALIMENTOS! DESPERDÍCIO ZERO!

Uma bela campanha pra se iniciar no DIA MUNDIAL DO MEIO AMBIENTE!
Desperdício ZERO de alimentos!

De acordo com relatório da ONU, 1/3 dos alimentos produzidos vão pro lixo. Isso é um absurdo. O sistema que valoriza mais o dinheiro do que a vida e os alimentos, se joga fora os produtos ou se deixa estragar os que não foram vendidos, ainda tem pessoas que não são conscientizadas e desperdiçam diariamente, alimentos que poderiam servir para quem passa fome. O mundo não aguenta um rítmo tão danoso de consumo e desperdício, precisamos mudar, precisamos agir.

Por isso, só coloque no prato aquilo que for comer. Se sobrar, doe pra alguém que precisa.
É com pequenas atitudes que melhoramos esse planeta azul!
É com menos desperdício que ficamos menos consumistas!



http://facebook.com/MelMascavo

Conheça a mais nova marca de roupas de algodão. Ecológicas, confortáveis, 100%brasileiras! Uma alternativa que pensa no meio ambiente. Inauguração em junho com loja virtual.

domingo, 3 de junho de 2012

O desrespeito ao mar, poluição e pesca predatória.

O ser humano joga no mar uma quantidade absurda de resíduos, não só resíduos de nossos hábitos mas resíduos de produtos químicos, passivos ambientais difíceis de serem tratados. É uma vergonha o aproveitamento da falta de fiscalização e olhar da população, onde são lançados todo o tipo de produto no mar, enquanto isso a vida marinha sofre com todas essas atitudes.

Navios que jogam água de lastro contaminadas em outras regiões, embarcações diversas que não respeitam e não se enquadram nas leis ambientais, sem contar os acidentes que historicamente sempre mancharam com veneno nossas águas.

O ser humano ganancioso e voltado ao mau, quer sempre ganhar dinheiro, só olha pro lado financeiro e acha que vida e a natureza não precisa existir amanhã.. É um individualismo mortal.. Vivemos preocupados somente conosco, que também é um ato de suicídio, pois tudo que vai volta. Mas ainda não enxergamos isso, não lutamos por isso, não defendemos nossos mares e praias como deveriam ser respeitados. Peixes e outros animais ligados a vida marinha morrem ingerindo lixo que é confundido com a comida, muitas vezes escassa.

Pra terminar, a pesca predatória, em enormes quantidades, se pesca tudo junto, se arrasta vários seres, tartarugas e diversos outros animais morrem em redes jogadas por aí nos sete mares.. Isso não pode acontecer.. Precisamos mudar.

Está cada vez mais difícil pra vida marinha, o equilíbrio ambiental está longe de ser alcançado. Vamos agir no que é possível. O mar precisa de você!

quinta-feira, 31 de maio de 2012

Dia Mundial Sem Tabaco 31/05

Hoje é o dia Mundial Sem Tabaco.

Aos que fumam, fica um belo incentivo para pararem e adquirirem muito mais saúde, fugindo das doenças relacionadas ao fumo.
Aos que não fumam, vamos pedir aos fumantes que respeitem a natureza, pois atualmente é raro ver um fumante jogar bitucas de cigarro no lixo. O chão é o destino das bitucas, que entopem as vias pluviais, contamina nossas águas, ambiente, no mar é confundida com alimento pelos animais, e os fumantes parecem nem ligar, nos pontos onde geralmente há encontro de fumantes, em calçadas e etc... Nota-se o acúmulo de cigarro no chão.

Eu gostaria de saber se as pessoas que fumam jogam o cigarro no chão de casa no meio da sala, porque não é possível que sejam tão idiotas e folgados a ponto de todo dia jogarem dezenas de bitucas no chão, estamos perdidos.

Portanto, fica o manifesto em favor da natureza, não só da saúde, porque milhares de fumantes morrem todo ano no mundo todo e mesmo assim as pessoas não largam desse vício, mas também da natureza, para se jogar no lixo as bitucas de cigarro. Fiz um banner para divulgação, devagar vamos indo e tentando mudar pra melhor as coisas. Lutar sempre, desistir jamais!

#DiaMundialSemTabaco

Ah.. se todo dia fosse dia...

O dia do meio ambiente está chegando, muitas pessoas fazem ações nessa semana e só, depois esquecem ou nem procuram ajudar o ambiente que vivemos de alguma forma.. seria interessante se todo dia fosse dia do meio ambiente..

Não só de meio ambiente, mas...

Se todo dia fosse Dia das Mães...
Se todo dia fosse Dia das Crianças...
Se todo dia fosse Dia dos Pais...
Se todo dia fosse Dia da Árvore...
Se todo dia tivesse o espírito natalino como é no Natal...
Se todo dia sentíssemos a renovação do Ano Novo(e o Sol nos dá esssa chance, é que não aproveitamos)
Se todo dia fosse dia do Professor...
Se todo dia fosse dia do Trabalhador...

Se todo dia fosse dia de todos os dias, junto e misturado, tudo que precisamos e sentimos sendo lembrado e botado em prática a cada nascer do Sol, com certeza o mundo seria diferente.

Então vamos acordar a cada dia, agradecer a fonte criadora, agradecer a natureza por cada espetáculo que nos dá e tentar botar em prática a energia e harmonia necessária pra aproveitarmos a dádiva de um novo dia, lembrando e tendo como consciência de que todo dia é dia de tudo, devemos respeitar tudo e todos como nas respectivas datas. Todo dia é dia de meio ambiente, todo dia é dia de paz, todo dia é dia de fazer algo a mais.
Ahhh se todo dia fosse dia... :)

domingo, 13 de maio de 2012

Feliz DIA DAS MÃES.. não esqueçamos da MÃE-NATUREZA!

Hoje é dia das mães, dia de homenagem a nossa heróica e brava geradora, cuidadora, zeladora, torcedora e que pra sempre iremos lembrar. Infelizmente devido a problemas sociais, ambientais, muitas mães não conseguem criar seus filhos, ou então, seus filhos são mortos pelo sistema cruel, ou até mesmo os próprios filhos e as próprias mães se deixam levar pelo sistema cruel, e esquecem de amar, esquecem de cuidar uns dos outros. Filhos que não conhecem as mães, mães que tiveram usurpado o direito de exercer a maternidade, enfim, por trás de todo um contexto lindo e maravilhoso do comércio e marketing em torno do dia das mães que resume tudo em presentes e dinheiro, estão histórias tristes e alegres, tranquilas e doídas de mães e filhos que deixam a vida passar e se perdem nos males da vida, ou que sabem aproveitar a vida muito bem mesmo com todas dificuldades. É bom refletirmos em ambos os casos e ajudar se possível.

Para as mães que geram mal seus filhos, cuidam mal de seus filhos, criando crianças problemáticas ou traumatizadas, é importante rezarmos, tentarmos mandar energias positivas para que a criança tenha muita luz para fazer o bem, e que a mãe tenha muita luz pra sair das trevas que lhes envolve. Para as mães que conseguem conciliar os problemas, ser guerreiras vencendo as dificuldades criando heróicamente seus filhos, devemos ficar felizes e pedir que isso nunca se acabe. E para os que vivem em plenitude a saúde, alegria, paz e harmonia, que contagie os outros para vivermos feliz!


A mãe de Jesus é um exemplo de resistência, batalha, fé e sabedoria, que sua luz nos ilumine, e nos dê paz pra nossas vidas e das nossas mamães...

Mas é um dia pra refletir e não esquecer também da nossa MÃE-NATUREZA, embora o dia da mãe-natureza seja comemorado no dia 11 de maio. Também devemos lembrar e cuidar de nossa mãe, de nosso planeta, de GAIA.

Dê um presente pra mãe-natureza, preserve!


Somos todos um, estamos interligados, devemos cuidar de nossas mães, de nossos filhos, da natureza, devemos amar uns aos outros para termos felicidade e harmonia.


E não esquecer dos nossos animais, que são maltratados e esquecidos por nós, temos que ter ciência que os animais sentem toda dor do mal que exalamos, portanto temos que respeitar a vida animal, tirar um filhote animal de uma mãe, para deixar enjaulado sofrendo e estressado, não é o caminho. Não adianta você dar um animal silvestre pra sua mãe de presente achando que tá sendo legal com sua mãe, mas deixando outra sofrer, sendo que com isso vai deixar uma mãe do pobre animal sozinha sofrendo na selva. Animal silvestre não é PET, respeitar a MÃE-NATUREZA é respeitar a mãe de qualquer animal silvestre ou PET.

Ser mãe é uma missão! Ser filho também é! Amar, protejar e principalmente PROSPERAR...
Portanto, um SALVE as mamães humanas, as mamães animais e a mãe-natureza!

Clique aqui e curta a página do blog Verde Filosofia também no facebook :)
http://facebook.com/MelMascavo

Conheça a mais nova marca de roupas de algodão. Ecológicas, confortáveis, 100%brasileiras! Uma alternativa que pensa no meio ambiente. Inauguração em junho com loja virtual.

terça-feira, 8 de maio de 2012

As pessoas estão se endividando e ficando submissas

Cada dia que passa vemos em nossa sociedade, as ilusões do consumismo exacerbado, a falsa ilusão da alegria, de fugir da realidade de não poder comprar, com as facilidades do crédito e parcelamento, podemos tudo, e essa ilusão nos leva ao abismo.

O consumismo é como se fosse uma droga, porque mostra uma fantasia, dá uma sensação de realidade de ter e possuir e poder, mas na verdade não é realidade, pois os produtos hoje são feitos cada vez mais sem qualidade, pra rodar o dinheiro na economia, pra ficarmos dependentes e escravos do consumo, tudo estraga rápido demais, pra você ir e comprar outro. Em outros casos, o produto pode ainda estar bom, mas fica fora de moda, trocam a cor, o design do produto e você cai nessa armadilha. É só ver como as pessoas trocam de carro insanamente. Por quê isso? Carro é pra andar ou pra ter status? A maioria das pessoas entendem como status, afinal de contas além de ser stressados com o carro, passam horas lavando o carro na calçada e etc.. Gastando água sem pensar nos outros. Estamos alienados!

O pior de tudo, geralmente esse carro nem foi pago, assim como outras coisas, roupas, produtos e etc... Não podemos comprar mas compramos, compramos de tudo. Com isso estamos cada vez mais endividados e submissos no sistema.

E isto está incluído na mente de todos nós já, dos vendedores então mais ainda. Repare que se você entra numa loja vê um produto bacana mas diz que não tem dinheiro suficiente e volta dali uns 20 dias pra buscar pois vai esperar receber, ou então vai juntar dinheiro por uns 3 meses pra poder comprar tal produto. Daí vem o vendedor e diz: "Mas pode parcelar, a gente facilita" ou então: "Pode pagar em 5x sem juros" ou então: "Parcela que você não vai nem sentir"..... Pois é, complicado!

Geralmente essas frases vem com um sorriso, do tipo: "EXISTE UMA SOLUÇÃO PARA OS SEUS PROBLEMAS(de não ter dinheiro)" e a maioria das pessoas o que fazem? Abrem um sorriso no rosto, comprando aquelas frases e ilusões, sem pensar nem raciocinar. O desejo de ter o produto entra em nossas mentes e impulsivamente vamos nos afundando, uma dividazinha aqui, outra lá, outra acolá e quando se vê, tá devendo muito pra lojas, bancos e etc...

Diante disso, o que acontece? SUBMISSÃO!

Submissão e escravidão, pois agora você tem dívidas, tem que pagar as dívidas das ilusões que adquiriu e já foram embora, e você está dentro de uma roda insana e escravizadora na qual você mesmo se colocou. E isso tem outros desdobramentos que reflete numa sociedade competitiva e louca por dinheiro, louca por consumo, exalando injustiças, muita gente querendo ganhar dinheiro sem ralar, ganhar dinheiro especulando, ganhar dinheiro trapaceando, pra manter ou pra sobreviver ou se aliviar nesse sistema. E o pior, com a necessidade de trabalhar a qualquer custo pra ganhar dinheiro, as pessoas ficam submissas a qualquer emprego, onde muitas vezes são desrespeitadas, atrasa pagamento, falta isso e aquilo e elas não falam nada com medo de perder o emprego, é um ABSURDO.

As pessoas estão se afundando em dívidas e ficando submissas, os empregos pagam pouco, o custo de vida está cada vez mais alto, estamos condenados ao trabalho eterno e a ser controlados pelas nossas fraquezas, a vontade de consumir, o materialismo, a necessidade de ter algo, e não ser. Esquecemos de ser, hoje é necessário ter apenas.. "Ser" não faz sentido, mesmo porquê o "parecer", "aparentar", "fingir" e "ter", é mais importante do que "ser". Lamentável.

Pessoas trapaceiam as outras, fazem de tudo por um empreguinho, e o empregador sabendo disso, BARGANHA! E nós não conseguimos nem bater o pé e exigir direitos, porque tem sempre alguém precisando mais que vai dizer SIM, EU TRABALHO MESMO COM ESSAS CONDIÇÕES. Diante disso vamos nos nivelando por baixo, vamos nos escravizando tão passivamente que hoje em dia se algum trabalhador e classe trabalhadora faz greve, algumas pessoas dizem: "Nossa que absurdo fazer greve, que absurdo protestar".. e assim caminha a humanidade, injustiças de sobra acontecendo, e as pessoas consentindo...

Consumindo, sendo submissos, se endividando e o pior, matando uns aos outros.

sexta-feira, 4 de maio de 2012

A estrutura das grandes cidades precisa mudar

Vivemos aglomerados em grandes centros urbanos, nos vangloriando das facilidades de toda diversidade e utilidades ao nosso alcance, de todos serviços que precisamos(isso também é muito relativo porque nada funciona direito), e esquecemos, ou tentamos não ver os problemas estruturais ambientais pelo qual sofremos.
Nossas edificações, estão sendo feitas de maneira doentia, verticalização desenfreada, não vemos mais a luz do Sol, não sentimos mais o vento, prédios ao lado de prédios, casas cercadas por prédios, prédios e casa cercados por carros e ruas, ruas cercadas por um emaranhado de fios de tensão, televisão, telefone.... e o verde?

E as árvores?
E os jardins?
E as praças?

Ahhhh, isso aí dá um jeito e contrói mais prédio, ou então asfalta e cria estacionamento, afinal de contas precisamos arrumar lugar pra guardar os carros. Quanta o mais o tempo passa, estamos dando valor pras coisas, cuidando muito das coisas, criando espaço pras coisas, dando o tempo e a vida pelas coisas, e não cuidamos de nós e de nossos semelhantes. As pessoas estão perdidas, nos hábitos consumistas do dia-a-dia cada um vomita suas verdades, cada um acredita no que mais lhe convém e que justifique sua inércia, pois é isso que lhe interessa. E enquanto essa bola rola no gramado do faz de conta, dos problemas reais que forçamos e fingimos e acreditamos não ver. O verde é massacrado.

O verde é aniquilado, árvores são derrubadas porquê tá quebrando um azuleijinho da calçada, TÁ DE BRINCADEIRA!!!! PALHAÇADA DOS INFERNOS! As pessoas estão literalmente perdidas. Loucas por consumo, loucas por concreto, loucas por produtos, loucas sem sucesso, em ciclos de alívios materiais, alienadas numa vida fútil sem objetivo e coerência, numa vida de consumir, produzir, comprar..e no final das contas estão a se matar. Pois o verde é vida.

O engraçado é que na hora do sufoco todos procuram a sombra de uma árvore, todos querem estacionar o carro debaixo de uma árvore, mas plantar ninguém quer, muito pelo contrário, só derruba pra fazer um puxadinho, uma garagem, uma ampliação, pra não ficar sujando a calçada com folhas e nem quebrar o pavimento da majestade intocável que é o frescurento idiota dono da residência. Assim é nossa realidade. Mas temos que mudar isso, temos que mudar a estrutura das cidades, tentar, resistir, senão estaremos confirmando o que já está a caminho: "Nosso lento suicídio!"

É preciso plantar mais árvores, utilizar alternativas que já são realidade em muitos lugares como o telhado verde, jardins suspensos, ruas com processo de escoamento e permeabilização, porque o que vemos hoje é uma impermeabilização do sólo sem escoamento que só facilita as enchentes ocorrerem. Utilizar calçadas com pedaços de grama para haver permeabilização da água e também pequenas vegetações que ajudam a absorver poeira e partículas da atmosfera, e também aumentar umidade do ar. É preciso ter menos verticalização, torres exageradas, pois elas tiram o Sol do vizinho e quando construídas de maneiras sequenciais lado a lado, fazem um tampão às correntes de vento, impactando muito o ambiente. Portanto, precisamos pensar e mudar. Reflita!

segunda-feira, 30 de abril de 2012

Poesia: Sonho de um planeta melhor

Sonho de um planeta melhor
Autor: Nário Villar Ornellas

Vivemos num sono profundo
Nos labirintos densos deste mundo
Que poderia ser um belo paraíso
Se o ambiente não fosse destruído

Há tantas alternativas
Em contra partida
Há tanto egoísmo e ambição
Há tanto conservadorismo
Deixando inviável a transformação

Para um mundo de paz
Um mundo sem guerras
O tema: Harmonia entre os seres!
Nesse sistema? Tá mais pra balela!

Mas claro que é possível
Mudando o semblante dessa gente desanimada
Caras pálidas e fechadas, andando na calçada

Como robôs programados
Pra produzir e ganhar uns trocados
Consumir alguns bens materiais
Que daqui uns meses já não servirão mais

E no badalar do tempo, mais árvores derrubadas
Áreas inteiras desmatadas, queimadas, dando lugar às boiadas
Plantações desnecessárias, interesses de uma classe endinheirada
É o fim da picada

Mas ainda não acabou
O sonho apenas começou
Ir a luta é um dever
Se quiser sobreviver

Palavras são apenas palavras
Atos valem mais que mil delas
Não quero a cor cinza da poluição
Quero as cores e a beleza da aquarela

O passado nos serve de lição
O presente é uma dádiva para a ação
Já o futuro, guarda o objetivo
Vamos buscar?
Quem vem comigo?


http://facebook.com/MelMascavo

Conheça a mais nova marca de roupas de algodão. Ecológicas, confortáveis, 100%brasileiras! Uma alternativa que pensa no meio ambiente. Inauguração em junho com loja virtual.

terça-feira, 24 de abril de 2012

Vivemos numa sociedade de "diplomas"

Os rótulos estão por toda parte, e nós por natureza rotulamos as coisas, definimos e estereotipamos, até mesmo como uma maneira de discernimento próprio, entretanto, na sociedade de hoje, a necessidade de tais definições, quando olhada pelo lado profissional/acadêmico/status pessoal, é cada vez mais preocupante.

Sim, todos se preocupam em conseguir diplomas, fazer cursos, treinamentos, especializações e etc, a impressão que fica é que é pra se achar num ponto de "inquestionamento", de sabedoria, de superioridade, mas não de contribuição social e ajuda mútua do próximo. Muito pelo contrário, vai guardar a 7 chaves algum conhecimento, ou porque acha que só ele é o "bonzão" de tal coisa, pra justamente manter a pseudo-hegemonia e achismo de que é demais e tem status superior a maioria.. Acreditem.. muitas pessoas são assim.. é esse o jeito de viver delas.. - Como é que é? O que você disse? Fique sabendo que eu tenho diploma de "tal" coisa, quem é você pra falar isso?

.......Prontooooo, o intocável se manifestou, a tristeza é maior quando este diplomado, pode estar redondamente enganado menosprezando assim a opinião de uma pessoa qualquer que não tem diploma de determinado assunto, mas teve uma vivência, um pensamento, uma reflexão e chegou a uma conclusão. Cada vez mais estamos perdendo isso na sociedade. Saber ouvir os outros, praticamente não existe mais. Hoje é tudo na base da carteirada.. SABE QUEM EU SOU? SABE QUE DIPLOMA EU TENHO?

Até quando isso vai ser arma em nossos relacionamentos cotidianos?

É óbvio que é importante saber que fulano tem tal qualificação, mas isso é muito aceito quando vem de maneira didática e pra somar numa situação, ou até mesmo o fulano pra se defender de alguma acusação ou pra fazer uma denúncia sobre algo de sua formação ele tem que dizer que é habilitado pra isso, já que assim funciona a sociedade.

Mas acho que desvirtuamos o caminho, e virou uma guerrinha de vaidade, e como tudo nesse sistema funciona muito na base do dinheiro, vemos uma falta de qualidade enorme em diversos cursos, onde muitos alunos, vão realmente pra pegar o diploma. Muitos pensam assim, só querem o diploma, tão nem ligando pra valores, filosofia, conduta de tais funções. Definitivamente, esse não é o caminho.

Eu acho que precisamos ser mais humildes, pois fazemos cursos e ganhamos diplomas e títulos por se aprofundar em assuntos, mas nunca saberemos tudo, e diante disso, não devemos nos colocar como o máximo, podemos nos colocar como entendedor e travar a batalha mostrando o caminho, como quando travamos uma batalha com uma pessoa ignorante que não tem embasamento, e devemos nos impor com didática e conteúdo sobre o tema, como por exemplo, assuntos ambientais, ainda tem gente que acha que o sistema do ser humano não é responsável pelo aquecimento global, que acha que o homem não é tão cruel com a natureza, então diante dessas incoerências devemos nos impor de maneira embasada e didática com conteúdo.

Agora, ficar se gabando e esfregando na cara dos outros que tem diploma disso e daquilo, ficar dando carteirada de vaidade mas sem ter conteúdo nenhum, isso é uma enorme incompetência. É o mesmo tipo de pessoa que dificilmente gosta do que faz, não tem valores, não tem conduta, só quer diploma pra ganhar dinheiro. E a sociedade nessa pressa consumista e de preencher espaços de mercado aqui e acolá exige mais diplomas do que valores, e ficamos nessa palhaçada, nessa falsidade, nesse grande mercado de rótulo e certificações... nesse vazio de hoje, numa sociedade de diplomas e dinheiro, que só dão valor a isso, mas quando se fala de valores e conhecimento da vida, ninguém liga, porque não dá retorno financeiro.

domingo, 22 de abril de 2012

Discurso de Charlie Chaplin em "O grande ditador"

Se existe um cara do cinema que nunca deve ser esquecido, e deve ser visto e conhecido por todos, é Charlie Chaplin. Eu não sou entendido de cinema, muito pelo contrário, sou mais um fã e uma pessoa comum que vê no cinema uma maneira de se entreter, se divertir, mas também adquirir conhecimento e ver que tem pessoas que fazem coisas diferentes.

Neste filme, "O grande ditador", Charlie Chaplin faz um discurso simplesmente maravilhoso sobre como o ser humano se comporta no sistema que nos domina, o interessante é que o filme é antigo mas é muito atual.

Ele fala de igualdade, de amor, de não nos deixarmos ser controlado pelo sistema, de buscar a paz, e principalmente de sair das trevas e buscar a luz. É um gênio! Esse discurso é muito interessante e reflexivo, mostra que estamos no caminho errado, mostra que precisamos nos unir, mostra que precisamos conhecer a nós mesmos.

Esse discurso é uma pedrada nesse sistema cruel que nos domina. O sistema da ganância, da cobiça, da competição desenfreada, da desgraça. Lutemos então por um mundo melhor, no discurso ele chama e clama ao povo que se una e não se entregue a este sistema cruel, que lutemos de fato pela liberdade, que lutemos pelo amor, que façamos a diferença. Assista este belo vídeo!



Curta a página do blog Verde Filosofia também no facebook :)

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Todos querem aproveitar a sombra das árvores, mas plantar e evitar que sejam cortadas, ninguém faz!

Pode reparar pela cidade, as pessoas nos dias mais quentes e insuportáveis, correm pra se abrigar debaixo de uma árvore, é disputado como se fosse ouro. Entretanto não vemos ninguém plantar árvores, quarteirões e ruas muitas vezes sem nenhuma árvore. Por quê?

Eu sei que tem muita gente nojenta e fresquinha que odeia qualquer tipo de sujeirinha na calçada, e uma árvore que cai folhas direto é um problemão, então essas pessoas quando tem alguma dúvida do corte da árvore, com desculpinha que a raíz está quebrando a calçada, aproveita e tira fora nossa querida e linda árvore da natureza. É UM ABSURDO! Por mais que tenham leis que tem que ser respeitadas, sabemos que pelas cidades por aí, dificilmente esse tipo de fiscalização cai em cima, as pessoas dão uma desculpinha qualquer e a cidade vai perdendo o verde. Seria bom se as multas e as fiscalizações funcionassem, aliás, se o poder público se interessasse em deixar a cidade com áreas de vegetação, a coisa seria diferente, coisa que não é o caso em muitos lugares.

Mas na hora de estacionar o carro num dia de Sol, todos disputam a sombra de uma árvore, mas plantar, evitar que corte, ninguém faz.. QUE MUNDO DE IDIOTA É ESSE?



Reflita quando estiver debaixo de uma árvore, retribua esse favor pra natureza, pois se proteger do Sol, você só consegue de poucas maneiras.. na sombra de uma montanha, que não se encontra em todo lugar, na sombra de uma árvore, debaixo da terra, ou muito no fundo do mar... Ou seja, o mais fácil nós não damos valor, e estamos cavando nossa própria cova, um lento suicídio cortando as árvores.. Além das sombras, nos transmitem energia, frutos, vida, força e acima de tudo beleza.. VAMOS PLANTAR MAIS! E PRA ELAS FICAREM MAIS LINDAS COM PÁSSAROS, DESTRUIR TODAS GAIOLAS! MAIS ÁRVORES E MAIS PÁSSAROS, EIS O MUNDO QUE EU SONHO!


Curta a página do blog Verde Filosofia também no facebook :)

terça-feira, 10 de abril de 2012

Documentário: "ENTRE RIOS" (História da Cidade de São Paulo)

Este documentário chamado "ENTRE RIOS" mostra como a cidade de São Paulo foi construída, e ambientalmente falando, uma sucessão de fracassos em virtude das mudanças forçadas do ambiente urbano, reflete até hoje na hora das chuvas.
Uma região de chuva tem que ter escoamento, infiltração no sólo, e acima de tudo, vegetação, coisa que pouco vemos hoje além de concreto. Os rios foram canalisados, redesenhados, enterrados, os animais afastados, a cidade transformada. E as tragédias estão na nossa cara. O que fazer por São Paulo? Mais áreas verdes é essencial, mais infiltração do sólo também, mas acima de tudo aprender, porque tem coisa que não dá mais pra fazer, simplesmente aprender, aprender com os próximos atos.

Aprender que no projeto de qualquer cidade, tem que se respeitar os rios e suas margens, as matas, os animais e seus espaços, de maneira sustentável ou equilibrada, e se não for possível, entender que não é possível, não fazer transformações forçadas porque isso um dia sempre volta.

Se preocupar com o abastecimento e com o esgoto também é essencial. Agora, se não aprendermos, continuaremos fazendo tudo na velocidade do capital, com interesses mercantilistas esquecendo os interesses ambientais de todos seres vivos, estaremos como estamos atualmente, condenados ao fracasso. Taí um belo exemplo de como o ser humano cresce e se desenvolve sem pensar nas questões básicas da natureza. Por quê será que sempre tem enchentes nas cidades heim? Será que é por causa das transformações que fazemos e das modificações danosas para nós mesmos? À custo de quê? Parece irônico né?! Mas é pura realidade!
O ser humano cometeu e comete um grande crime. Reprime, muda, transforma a natureza, e isso é a uma coisa que ele não tem domínio e nunca poderia ter feito dessa maneira, ultrapassando limites.



Curta a página do blog Verde Filosofia também no facebook :)

http://facebook.com/MelMascavo

Conheça a mais nova marca de roupas de algodão. Ecológicas, confortáveis, 100%brasileiras! Uma alternativa que pensa no meio ambiente. Inauguração em junho com loja virtual.

sábado, 7 de abril de 2012

Documentário "Máquinas de felicidade"

Um documentário da BBC interessante chamado "Máquinas de Felicidade", fala sobre o controle das massas. De como quem tá no poder obtem controle usando teorias freudianas sobre as multidões, e incentivar o consumo, simplesmente associando os produtos aos desejos e sentimentos, emoções.
Desde o chamado "tochas da liberdade" onde foi incentivado pra aumentar a venda de cigarros, um ato simbólico envolto de emoção para as mulheres associarem como se fumasse fosse ter liberdade e então consumirem cigarros. Ou seja, coisas sem real necessidade, consumidas apenas para uma satisfação emocional, ilusória, momentânea e desnecessária. Vale a pena conferir.


Parte 1 - Maquinas da Felicidade from otaner ogamuz on Vimeo.



Parte 2 - A Engenharia do Consentimento from otaner ogamuz on Vimeo.



Parte 3 - Há um policial dentro de nossas cabeças. Ele deve ser destruído from otaner ogamuz on Vimeo.



Parte 4 - Oito pessoas bebendo vinho em Kettering from otaner ogamuz on Vimeo.

sexta-feira, 6 de abril de 2012

O cuidado com o exagero no eco-consumismo

Sim, hoje com o planeta sofrendo um monte de problemas terríveis, o que não falta são os produtos verdes e o eco-consumismo inundando os anúncios, nos deixando mais tranquilos quanto nossa culpa para com as adversidades que o planeta sofre. 

Mas isto muitas vezes é uma grande enganação, pois todo processo produtivo demanda energia, matéria-prima, recursos naturais, embora seja verde ou otimizado, demandará recursos do mesmo jeito. Uns ainda não repararam isso e compram além da conta só porque tal produto é verde, ou seja, não vai ajudar muito o meio ambiente pois estará praticando o consumismo que é a grande raíz dos problemas, tem produtos que colocam porcentagens do seu processo produtivo como sustentáveis, 10%, 20% e matéria prima sustentável e já generalizam dizendo que é verde, fique atento a isto.

Sobre devastação, impactos ambientais e etc.. para combater isso, só de um jeito, reduzindo o consumo e reutilizando as coisas, sendo verdes ou não. É óbvio que o esforço em otimizar e tornar produtos verdes é interessante, mas temos que tomar cuidado pra nao dar um tiro no próprio pé e consumir além da conta.

domingo, 1 de abril de 2012

"O PÁSSARO CATIVO" de Olavo Bilac

(...)"Não quero o teu alpiste!
Gosto mais do alimento que procuro na mata livre em que a voar me viste.
Tenho água fresca num recanto escuro.
Da selva em que nasci; da mata entre os verdores,
tenho frutos e flores, sem precisar de ti!
Não quero a tua esplêndida gaiola!
Pois nenhuma riqueza me consola de haver perdido aquilo que perdi...
Prefiro o ninho humilde, construído de folhas secas, plácido, e escondido.
Entre os galhos das árvores amigas...
Solta-me ao vento e ao sol!
Com que direito à escravidão me obrigas?
Quero saudar as pompas do arrebol!
Quero, ao cair da tarde, entoar minhas tristíssimas cantigas!
Por que me prendes? Solta-me, covarde!
Deus me deu por gaiola a imensidade!
Não me roubes a minha liberdade...
QUERO VOAR! VOAR!..."(...)




Por isso:
- NÃO COMPRE PÁSSAROS..
- PÁSSAROS TEM ASAS PARA VOAR..
- APRISIONAR PÁSSAROS É UMA CRUELDADE!!!
- NÃO FINANCIE O TRÁFICO DE ANIMAIS SILVESTRES!
- DÊ LIBERDADE AOS PÁSSAROS E ANIMAIS, DEIXE-OS LIVRES NA NATUREZA!

A idéia desse post surgiu depois de ter um comentário no post:Destrua toda gaiola que encontrar! Dê a liberdade para os pássaros!, no qual conheci e resolvi transcrever esta maravilhosa obra de Olavo Bilac!

Clique aqui e acompanhe o blog também no facebook


http://facebook.com/MelMascavo

Conheça a mais nova marca de roupas de algodão. Ecológicas, confortáveis, 100%brasileiras! Uma alternativa que pensa no meio ambiente. Inauguração em junho com loja virtual.

quinta-feira, 29 de março de 2012

Documentário: A carne é fraca!

Este documentário do Instituo Nina Rosa, é um conjunto de informações que precisamos saber para entender como funciona todo o processo de fabricação das carnes que botamos em nossa mesa, por questões ideológicas e acima de tudo, de saúde. Não preciso falar muito pois os vídeos falam por si só, e as reportagens são didáticas, explicativas, impactantes, e muito verdadeiras. Vale a pena conhecer e tentar iniciar sua transformação em prol do meio ambiente! Parabéns ao Instituo Nina Rosa por este belo trabalho!

Parte 1


Parte 2


Parte 3


Parte 4


Parte 5


Parte 6






Curta o blog Verde Filosofia no facebook também, clicando aqui! :)

terça-feira, 27 de março de 2012

Caminhada de limpeza das praias e do ambiente urbano!

Não precisamos de muito pra fazer muito..
Não precisamos de desanimadores e negativistas pra fazer coisas positivas..
Não precisamos de más previsões para ficar acomodado e não fazer o bem..
Não precisamos ser mais um humano controlado e robotizado criticando alguém..
Não precisamos receber um motivo pra agir, existem vários por aí, basta olhar pra fora e agir..
Não precisamos de nada além de nós mesmos..
Somos poucos, mais ou menos ou muitos, não importa o quanto..
Importa que o verbo "AGIR" é mágico..
Não precisa ter diploma da área ambiental, porque todos vivemos nesse planeta, todos somos ambientais ou podemos ser.. Tem muito lobo em pele de cordeiro que conhece de meio ambiente mas nada faz, na verdade usa a força contra o próprio propósito.
Portanto, QUER FAZER ALGO? FAÇA..
OBlog Líbero Social junto com o Blog Verde Filosofia, combinou entre os amigos uma caminhada para limpeza das praias e do ambiente urbano, na cidade de Santos então aconteceu. 
Tiramos mais de 3kg de lixos, plásticos, bitucas de cigarros e etc em menos de 2km de faixa de beira mar. É uma quantidade de material que com certeza evitamos que os animais marinhos ingerissem. Não temos dúvidas, SALVAMOS VIDAS! E todos nós podemos fazer isso.
Essa não é a primeira caminhada de limpeza de locais, essa é uma prática muito usada por ambientalistas e pessoas de diversos ramos da sociedade que amam este planeta azul, somos e iniciamos apenas mais um movimento, mais uma força nessa batalha tão difícil. Segue vídeo desta ação de guerreiros que fizeram acontecer, por vontade, por amor, nada mais! Façamos todos juntos.. Que novos tempos venham com a verde filosofia!

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Os governante pira!

Essa mais nova onda de hits na internet de humor, onde a galera usa o termo "pira" pra mostrar que alguém fica doido com alguma coisa, ou fica fascinado, ou fica muito na raiva, enfim, também criei um pra pensarmos sobre.

As coisas acontecem e muitas vezes nem conseguimos nos perguntar por quê? Ou pensamos que não conseguimos agir e ter resultado em diversas coisas erradas na sociedade pelo qual prezamos ou lutamos ou nos indignamos. Diante disso, e dessa onda do termo "pira", só uma coisa deixa os governantes desconfortáveis, é a opinião popular, pois se o povo tá acomodado, tudo está perfeito.

Manifestação, protestos e passeatas, bem como todo tipo de exaltação pacífica que o povo adere, com certeza, se for contrário ao sistema imposto, "Os Governante Pira!" :)

sábado, 28 de janeiro de 2012

A culpa não é da TV, a culpa é sua!

Tá, tabom, a TV tem culpa sim, mas tudo é uma questão de demanda e oferta, se o povo acaba vendo mais programações sem sentido, vulgares, violentas e etc... A TV, pensando no retorno financeiro, vai colocar a nossa disposição programas que o teor e conteúdo seja apenas esse, afinal a grande maioria verá e isso é retorno de patrocínio, propaganda e etc... ou seja, o sistema é assim, mas você pode mudar.

Sim, você pode ver programas mais culturais, pois o entretenimento é bom, mas o seu exagero é retardamento mental, além do que, o que é entretenimento hoje, senão programinhas apelativos pra chamar o telespectador??!?! Poucas exceções!

Então resumindo, a culpa é sua, é nossa, é da maioria.. E enquanto isso, enquanto nós aceitamos, a TV continua desrespeitando nossa potencialidade de crescermos intelectualmente. Agora o que eu posso fazer? Mude! Mude de canal, de programa, pelo menos um pouco, a diferença começa por nós e o povo não sabe o poder que tem. Tem que ver se o povo quer, porque se não quiser, nada mudará. Enquanto isso ficamos discutindo as polêmicas que acontece na TV, muitas vezes não passa de armação pra dar audiência. Então, acha isso um absurdo? Mude!

2012 ta aí.. um ano de mudanças.. que venham várias para o bem!



Curta a página da Verde Filosofia também no facebook: